Todo o Algarve

Fernando Pessanha acaba de lançar um novo trabalho

“Ataques da pirataria à foz do Guadiana e a acção de António Leite, alcaide-mor de Arenilha”

O historiador algarvio Fernando Pessanha acaba de lançar um novo trabalho intitulado “Ataques da pirataria à foz do Guadiana e a acção de António Leite, alcaide-mor de Arenilha”. Esta investigação, originalmente publicada no vol. XL dos Anais do Município de Faro, de 2018, é agora lançada como separata através da Editora Guadiana, de Vila Real de Santo António.

Nota de Imprensa

08 Outubro 2018

De acordo com o investigador, a publicação desta separata tem por objectivo fazer com que um assunto pouco estudado pela historiografia consiga chegar a um maior número de pessoas. Toda a gente sente uma enorme curiosidade em relação à actividade do corso e da pirataria. Porém, e ainda que saibamos que as costas do Algarve foram assoladas pela actividade pirática ao longo de toda a Idade Moderna, pouco se sabe de concreto, nomeadamente, no que se refere à foz do Guadiana, a principal via de penetração do Sudeste peninsular, defende o investigador do Arquivo Histórico Municipal António Rosa Mendes. Por outro lado, este breve trabalho pretende demonstrar que a “misteriosa” vila de Santo António de Arenilha teve muito mais dinamismo do que inicialmente se pensava. Isto, claro, em virtude do seu porto, por onde passava o tráfego de escravos e outros produtos provenientes das nossas praças do Norte de África. Por outras palavras, um paraíso fiscal para os que se dedicavam ao contrabando com vista ao mercado castelhano e por onde passavam mercadorias que faziam com que a vila fosse frequentemente atacada pela pirataria magrebina… Segundo o autor, ficam para breve duas conferências sobre este tema. Uma que terá lugar no dia 16 de Novembro na Universidade de Sevilha, num congresso internacional sobre as Ordens Militares e a Guerra, e outra no dia 22 de Novembro, no âmbito das XXIII Jornadas de Historia de Ayamonte.

Opinião dos nossos leitores

Dê-nos a sua opinião

Incorrecto
NOTA: As opiniões sobre as notícias não serão publicadas imediatamente, ficarão pendentes de validação por parte de um administrador.

NORMAS DE USO

1. Deverá manter uma linguagem respeitadora, evitando conteúdo malicioso, abusivo e obsceno.

2. www.todooalgarve.com reserva-se ao direito de eliminar e editar os comentários.

3. As opiniões publicadas neste espaço correspondem à opinião dos leitores e não ao www.todooalgarve.com

4. Ao enviar uma mensagem o utilizador aceita as normas de utilização.